Fernando Costanza é regularizado e aproveitamento depende apenas de Zé Ricardo

Contando apenas com Marcinho para a lateral-direita, o Botafogo solicitou o retorno de Fernando Costanza, emprestado ao Lille, da França, antes do prazo previsto, que era até junho. O atleta chegou ao Rio de Janeiro na última quarta-feira e desde ontem já treina com o grupo. Hoje, o jogador teve seu nome publicado no Boletim Informativo Diário (BID) da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) e está à disposição do técnico Zé Ricardo. Como todas as pendências foram resolvidas até esta sexta-feira, o jovem pode ser inscrito no Campeonato Carioca.

A tendência é que Fernando seja uma das alterações do Botafogo na lista para a Copa Sul-Americana. Titular da posição, Marcinho foi expulso na vitória por 3 a 0 sobre o Defensa y Justicia, na Argentina, e foi suspenso por dois jogos pela Conmebol, além de uma multa de 3 mil dólares. Sendo assim, o atleta perderá as partidas de ida e volta da próxima fase da competição.

Aproveitamento

Pelo Lille, Fernando Costanza não chegou a ser aproveitado no elenco principal. O lateral-direito participou de 10 jogos no time B do clube francês. A última partida do atleta foi no dia 20 de fevereiro, depois disso, figurou no banco de reservas, mas não foi utilizado.

Fernando chegou ao Botafogo em 2014. Em 2017, o jovem foi promovido ao time principal pelo então técnico da equipe, Jair Ventura. No entanto, não teve oportunidade de jogar nos profissionais do Glorioso. Seu contrato com o clube da Estrela Solitária é válido até 31 de dezembro de 2020.

Aprovou

Em entrevista coletiva realizada nesta sexta-feira (15), Zé Ricardo comentou o retorno de Fernando ao Botafogo. O treinador aprovou a volta do atleta ao clube e afirmou que o mesmo terá chances de atuar durante a temporada.

“Quando eu cheguei ao clube, ele estava aqui e veio a proposta do Lille. Nós entendemos que para ele seria muito boa a experiência internacional. Se não fosse isso, talvez ele já estaria com a gente no ano passado. Sei do potencial dele. Feliz de estar com ele de volta, mais experiente, mais forte, com nível de competitividade muito alto. Vamos trabalhar juntos novamente e ele vai ter possibilidade de jogar”, disse o técnico.

Deixe uma resposta