Mesmo com chuva, flamenguistas prometem lotar o Maracanã contra a LDU

Paulo Chagas

, Flamengo

Nem a chuva não deve desanimar a torcida do Flamengo. Mesmo que tenha caído um temporal em alguns bairros da Zona Norte do Rio de Janeiro, rubro-negros marcaram presença na bilheteria do Maracanã, nesta quarta-feira (13). Os torcedores foram retirar os ingressos para a partida contra a LDU, às 21h30, horário de Brasília, pela Copa Libertadores da América.

De acordo com a diretoria do Flamengo, todos os 57 mil ingressos postos à venda foram vendidos. Os estoques se esgotaram na manhã da última terça-feira (12). Caso algum torcedor tenha que retirar as entradas, pode ir à sede do Rubro-Negro, na Gávea, ou em qualquer loja da rede Nação Rubro-Negra.

Desde às 19h, diversas ruas no entorno do estádio do Maracanã estão interditadas. Além da Avenida Maracanã, as ruas Eurico Rabelo, Visconde de Itamarati, Isidro de Figueiredo, Artur Menezes e Conselheiro Olegário estão liberadas apenas para torcedores com ingresso. Além disso, as duas faixas de rolamento da Radial Oeste, no sentido Centro, e o viaduto Oduvaldo Cozzi também estão fechadas para pessoas que não vão para o jogo.

Flamengo vem de vitória na Libertadores

Flamengo venceu o San José na estreia da Libertadores (Foto: Alexandre Vidal | Flamengo)

 A empolgação da torcida do Flamengo é completamente justificável. Afinal, o Rubro-Negro bateu o San José, na estreia da Libertadores, na última terça-feira (05). A vitória, por 1 a 0, foi a segunda na altitude na história do Mais Querido.

Além disso, o Flamengo entra como um dos favoritos ao título da Libertadores. Vice-campeão brasileiro em 2018, o Rubro-Negro investiu pesado nesta temporada. Nomes como Arrascaeta, Gabigol, Bruno Henrique e Rodrigo Caio chegaram para dar ainda mais peso a um dos elencos mais badalados do país.

Com o Maracanã lotado, o Flamengo enfrenta a LDU, nesta quarta-feira (12), às 21h30, horário de Brasília, pela segunda rodada da fase de grupos da Copa Libertadores da América. As duas equipes lideram o Grupo C, com três pontos. Entretanto, os equatorianos têm um gol a mais de saldo.

Deixe uma resposta