Carli será submetido a artroscopia no joelho direito; Prazo de retorno é de um a dois meses

Zé Ricardo terá um desfalque importante para as próximas partidas do Botafogo. O zagueiro Joel Carli sofreu uma entorse no joelho direito na vitória por 2 a 0 sobre o Campinense, na última quarta-feira, em Campina Grande, na Paraíba, em partida válida pela primeira fase da Copa do Brasil. O defensor estava em tratamento intensivo e a ideia do departamento médico do Glorioso era controlar a dor do jogador e assim adiar o processo cirúrgico. No entanto, o atleta foi reavaliado nesta segunda-feira (18) e a necessidade de uma artroscopia foi detectada. A cirurgia acontecerá nos próximos dias. Neste caso, o prazo de retorno é de um a dois meses.

Em entrevista coletiva realizada hoje, na parte da tarde, o técnico Zé Ricardo falou sobre o problema do zagueiro. Inclusive, o treinador contou que o atleta pediu para viajar com o grupo mesmo não podendo ir a campo.

“Fatalidade que todos os atletas estão sujeitos. Ele sentiu problema no joelho e não viaja. Ele pediu para viajar mesmo sem poder jogar, é importante a presença. Mas a gente entendia que deixar ele aqui tratando, se recuperando, era melhor. Ele gostaria de ir e jogar em sua terra, mas como sabemos, estamos passíveis a esse tipo de surpresa”, declarou.

Melhora do sistema defensivo

Carli só estreou nesta temporada na última rodada da Taça Guanabara. Após o retorno do argentino, o Botafogo conquistou três vitórias consecutivas – não tinha vencido até então – e não sofreu gols. O Glorioso bateu o Boavista, em Bacaxá (3 x 0); o Defensa y Justicia, jogo de ida da primeira fase da Sul-Americana, no Estádio Nilton Santos (1 a 0) e o Campinense, fora de casa, pela Copa do Brasil (2 a 0).

Nas três partidas, Carli formou dupla de zaga com Gabriel. Zé Ricardo confirmou que o substituto do argentino será Marcelo Benevenuto, que já atuou em quatro oportunidades este ano.

Apresentado oficialmente, Cícero afirma que preferência é atuar no meio de campo