Botafogo é campeão brasileiro de remo

O Botafogo é heptacampeão brasileiro de remo em barcos longos. Em disputa emocionante, o Glorioso garantiu o título após vencer 12 provas, contra nove do vice-campeão Flamengo. Bicampeão Mundial Sub-23, o remador Uncas Tales Batista foi um dos destaques da competição com sete ouros. Parceiro de Uncas em algumas das provas do torneio, Lucas Verthein garantiu seis medalhas de ouro.

Botafogo atropela no primeiro dia

No sábado (20), aconteceram as primeiras finais do Júnior e do Sub-23 do Campeonato Brasileiro. Demonstrando superioridade nas águas da Lagoa Rodrigo de Freitas, o Botafogo ganhou sete das 13 decisões. Uncas Tales Batista venceu nas categorias Four Skiff, Double Skiff Leve, Double Skiff e Quatro sem Timoneiro. Os resultados deixaram o Glorioso em vantagem para as provas decisivas deste domingo (21).

Em disputa acirrada, Glorioso garante título

Lucas Verthein e Uncas Tales comemoram vitória

Destaques do título brasileiro, remadores Lucas Verthein e Uncas Tales Batista ganharam 13 ouros na competição (Foto: Sátiro Sodré|SSPress|Botafogo FR)

Apesar de ter aberto boa vantagem, o Botafogo viu o Flamengo ganhar três provas e virar o placar para 8 a 7, no quadro geral. Mas o Glorioso cresceu e venceu mais três vezes e abriu distância. A equipe rubro-negra não desistiu e empatou a disputa, faltando três provas. Apesar da empolgação flamenguista, a dupla Uncas Tales Batista e Lucas Verthein foi dominante, em mais uma prova no Double Skiff, e deixou o Botafogo a uma vitória do título.

Precisando de uma vitória para garantir o hepta brasileiro, o Botafogo apostou todas as fichas no Four Skiff feminino. E as meninas não decepcionaram. O quarteto formado por Luana, Dayane, Isabela e Nathalia venceu a 11ª prova do Glorioso no campeonato e garantiu o título nacional. Na última prova, o Oito com Timoneiro, o Botafogo mostrou com que não abaixaria o ritmo com a conquista e ganhou mais um ouro. O treinador da equipe, Paulo Vinícius de Souza, o Paulinho, exaltou a força da equipe alvinegra.

“Esse campeonato tem um significado muito grande. Foi um ano de dificuldades, nosso maior rival elevou o nível e nossos atletas foram extremamente guerreiros para conquistar os dois títulos. É um trabalho feito com amor por todos diariamente! Sabíamos que o campeonato seria difícil e a decisão aconteceria nos detalhes, remada a remada. Nossos objetivos em 2018 foram cumpridos, mas temos muito a melhorar para conquista-los de novo no ano que vem e aumentar a hegemonia do Botafogo no remo”, afirmou Paulinho.

Deixe uma resposta