Tite vibra com evolução de novatos na Seleção Brasileira

As vitórias sobre os Estados Unidos, por 2 a 0, e El Salvador, por 5 a 0, gerou um clima muito positivo para jogadores e comissão técnica da Seleção Brasileira, visando a Copa do Qatar, em 2022. Apesar de enfrentar equipes inferiores tecnicamente, os resultados dentro de campo foram previsíveis.

O trabalho pós-Copa do técnico Tite já mostrou qualidade e polêmica. A ascensão rápida de alguns novatos, como Arthur e Richarlison, a escolha por Neymar como capitão definitivo e um conflito com o calendário do futebol nacional, que acabou limitando a atuação de Paquetá, uma das apostas da comissão técnica

Arthur e Richarlison esbanjaram categoria. O meia do Barcelona mostrou personalidade nos treinamentos, jogando entre os titulares antes da vitória sobre os anfitriões, sempre se destacando. Iniciou o confronto contra El Salvador e foi destaque.

Já Richarlison, além dos dois gols contra El Salvador, mostrou que tem qualidade de sobra de desempenhar todas as funções de ataque da Seleção Brasileira, além de centro-avante.

“Arthur e Richarlison deram uma aula de futebol. Personalidade, multifunção, técnica e muita aplicação tática. Estamos bem servidos”, comentou Tite.

Richarlison comemora gol pela Seleção

Richarlison deixou boa impressão nos amistosos contra Estados Unidos e El Salvador (Foto: Lucas Figueiredo | CBF)

Agenda da Seleção Brasileira

Os próximos compromissos da Seleção Brasileira serão nos dias 12 e 19 de outubro diante da Arábia Saudita e da Argentina nos Emirados Árabes. A convocação deverá ser anunciada no próximo dia 21 de setembro. O técnico Tite prometeu não atrapalhar os clubes brasileiros que estarão na reta final da Copa do Brasil e do Campeonato Brasileiro, chamando apenas atletas que atuam no exterior.

“Vamos aguardar o andamento dessas competições para avaliar o que podemos fazer na hora da convocação. Não quero prejudicar as equipes envolvidas”, comentou o treinador.

100% de aproveitamento

Nos seis amistosos realizados em 2018, o Brasil conseguiu 100% de aproveitamento:

23 de março: Rússia 0 x 3 Brasil, em Moscou;

27/03 – Alemanha 0 x 1 Brasil, em Berlim;

03/06 – Brasil 2x 0 Croácia, em Liverpool;

10/06 – Áustria 0 x 3 Brasil, em Viena;

07/09 – Estados Unidos 0 x 2 Brasil, em East Rutner Ford;

11/09 – Brasil 5 x 0 El Salvador, em Washington.

Gonçalves analisa renovação da Seleção Brasileira

Deixe uma resposta